Sobre

Gosto de me exibir. Quando criança sonhava em ser atriz, dançarina, algo que exigisse um palco. Desde então recebo as mais diversas recomendações para que não tenha esse tipo de postura. Tentei abafar esse ímpeto com vestuário e pensamento religioso dogmático até meus dezesseis anos. Não funcionou. Também afirmaram que tais modos, gestos e palavras eram perigosos e todos os danos infligidos contra a minha vontade recebiam a acusação “Também, ninguém manda se portar assim”.  Não busco exatamente a paz de espírito, gosto de aventuras, descobertas, abalar as próprias certezas. No princípio fazia com naturalidade por não ver nada de moralmente errado em minhas atitudes. As punições verbais e físicas vieram, eu passei a temer meu próprio discernimento e duvidar das emoções emergindo. Se tento “não dar pinta”, meus reflexos ficam mecânicos como de um robô pessimista. Se dou forma a esse conteúdo dançando, falando e escrevendo, até o vento no cabelo me faz sorrir. Escolhi essa última opção e sei que haverá consequências, apontadores de dedo sempre estarão aí, mas a existência é curta, única, não vou desperdiçá-la por medo de desagradar opositores.

Essa é uma cabine privativa. Se sente prazer em observar quem gosta de se mostrar, esse lugar será mutualmente estimulante.

Sexualidade, cultura pop, literatura, filosofia, feminismo, cinema, direito animal, sociologia, música, religião, tudo vira assunto em uma mesa de bar, por essas bandas também.

Sou Deborah Sá, tenho 30 anos, moro em SP. Formada em Pedagogia pela Universidade Federal de São Paulo, educadora e pesquisadora, curiosa sobre vários assuntos, danço com muita alegria e alguma destreza técnica. Faço uma ótima moqueca de tofu e adoro cafuné e massagem no pé. Escrevo há alguns anos e tive alguns blogs, às vezes me chamam para escrever em alguns espaços, falar de uns assuntos em lugares diversos, por vezes com microfone e platéia, por vezes para uma cerveja básica e petiscar.

Para contato: cabineprivativa[arroba]gmail.com

6 comentários sobre “Sobre

  1. Ola, li seu outro blog, principalmente a parte em que você fala da CCB… E confesso que gostei… Rs… Tbm sou um ex ccb, e para falar a verdade, acho que peguei horror a eles e a doutrina deles,
    Hoje frequento outra religiao…e vc?
    Paz e bem.. E sucesso

    Curtir

  2. Olá Deborah, há poucos anos fiz uma comentário em seu blog que me rendeu bons amigos e algumas situações inusitadas. Eu ficaria imensamente grato se você pudesse entrar em contato comigo, pois eu gostaria de retirar uma informação que consta lá, para evitar alguns inconvenientes. Não achei outro canal de contato senão esse.
    Mais uma vez quero parabenizar pela iniciativa de ter criado o Blog da Deborah.
    Abraços, t+

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s